cheirode amor



5ª VINA CALMON     4ª ALINNE ROSA      2ª CARLA VISI     1ª/3ª MÁRCIA FREIRE

TRAJETÓRIA BANDA        DISCOGRAFIA COMPLETA



TRAJETÓRIA DA BANDA
Nos anos 85 e 86 começou o movimento da axé-music com Luiz Caldas, Chiclete com Banana e Banda Mel. Assim sendo, o bloco que inicialmente tinha lançado a banda Pimenta de Cheiro, acabou criando a Banda Cheiro de Amor, que revelou nomes como Laurinha, Márcia Freire,Carla Viszi e atualmente Alinne Rosa. Windson Silva, declara que a banda teve como padrinho o saudoso Chacrinha, que, depois de uma audição de um disco do grupo, em 15 dias lançou a banda nacionalmente na Rede Globo. A explosão aconteceu logo em seguida com as músicas: Auê, Rebentão, Benção, Lero Lero, Doce Obsessão, Pureza da Paixão, Canto ao Pescador, Cheiro de Amor no Ar e Adrenalina.



MÁRCIA FREIRE
2001 à 2003 - vocalista Márcia Freire (Salvador/BA, 20/12/1969)
1987 à 1995 - vocalista Márcia Freire Salvador/BA, 20/12/1969)
Márcia Freire (Salvador/BA, 20 de dezembro de 1969), popularmente conhecida como "Furacão Loiro" é cantora e empresária. Nascida sob o signo de Sagitário essa baiana, natural de Salvador, descendente de italianos e índios do Mato Grosso do Sul, começou muito cedo a demonstrar seu talento para música. Desde os cinco anos de idade, Márcia assistia aos programas de calouros, a exemplo do saudoso Chacrinha, e ficava horas em frente à televisão disputando com os calouros que se apresentavam nestes programas. O tempo passou e Márcia nunca deixou de lado a paixão pela música e cada vez mais se preparava para se tornar uma cantora, não lhe escapando uma oportunidade para soltar a voz, mesmo se fosse nas brincadeiras com os colegas, concursos de música, festivais etc.
Levada por amigos para cantar às escondidas, pois para os seus pais ainda era muito novinha para encarar a vida artística como profissão, Márcia iniciou sua maratona de apresentações em barzinhos e pequenas festas da cidade até a sua primeira grande chance no Carnaval da Bahia por volta de 1985, puxando pela primeira vez um bloco com trio que se chamava Free-lance.
No ano seguinte, surgiu o convite que mudaria por completo a vida artística de Márcia, o ano era 1986, mês abril, e lá estava "Márcia Freire" integrando a Banda Cheiro de Amor, que naquela época chamava-se "Pimenta de Cheiro". Entre julho e agosto de 1987, a Banda grava o seu primeiro disco intitulado "Pimenta de Cheiro", e durante os anos seguintes, outros discos e o crescimento da Banda, e é claro de Márcia, que a essas alturas já havia realizado vários sonhos de criança, tendo inclusive o encontro com o Velho Guerreiro Chacrinha numa das apresentações da Banda Cheiro de Amor em seu programa "Buzina do Chacrinha".
Em 1996, Márcia decide deixar a Banda Cheiro de Amor e partir para a carreira solo, pois naquele momento de sua vida, ela apenas queria ter o total controle sobre o seu trabalho, daí veio à separação. Sendo uma das maiores estrelas da música baiana e com uma bagagem adquirida como vocalista da Banda Cheiro de Amor a qual comandou durante dez anos, Márcia continua sendo uma das principais atrações dos carnavais fora de época pelo Brasil e Exterior a exemplo do primeiro Carnaval realizado no México na cidade de Cancun "O Carnacancun". Quatorze discos gravados, sendo quatro de carreira solo e vários prêmios de reconhecimento ao seu talento. Na voz de Márcia Freire, músicas como Pureza da Paixão, Auê, Macarena, Baiana Merengueira, Tema do cheiro, Doce Obsessão, Lero Lero e os hits Vermelho (sensação do festival de Parintins e do festival do Avante em Portugal) e ainda Subir Ladeira, Maravilha, Nó de Marinheiro, Dá Dá Carinho, marcados pela interpretação vigorosa da artista, viraram sucesso.
Inúmeras participações em trilhas sonoras de sucesso, como a do seriado Malhação da Rede Globo, Casa de Samba, Axé Bahia, Axé Brasil e várias outras coletâneas. Com a estrela brilhando como nunca, Márcia, grava pela ABRIL MUSIC, o seu 4º CD solo "Timbalayê" superproduzido pelo experiente Mauro Almeida. O disco que promete ser um divisor de águas na carreira da Rainha do Agito, não abandona o suingue baiano, característica marcante da cantora, mas apresenta-a mais madura e muito mais versátil, passeando pela MPB, pela Salsa e pelo Soul. Márcia Freire surpreende como intérprete, dando voz a clássicos como "Só quero um xodó" de Luiz Gonzaga – e outros "achados" do arquivo nacional a exemplo de "Como Alcançar Uma Estrela" de Miltinho e Edilberto e sua primeira música de trabalho "Sartando Dessa" de Cláudio Zóli.
Retornando à Banda Cheiro de Amor em Junho de 2001, atendendo aos pedidos dos fãs, a cantora colocou sua voz em mais dois discos e no mês de Setembro de 2003, decidiu seguir uma nova carreira solo. Cheia de planos e estratégias para a nova estrada.




CARLA VISI - 1995 À 2000
CARLA VISI ou "VIZSI" como adotou o nome por um período. Carla Virgínia Soares Fernandes (Salvador/BA, 31 de agosto de 1970), popularmente conhecida como Carla Visi, que posteriormente mudou o nome artístico para Carla Viszi.
Natural de Salvador, Carla Visi é filha, neta e bisneta de cantoras, e logo na infância foi mostrando que também seguiria o caminho ao qual estava predestinada, tamanha é a herança genética. Sua entrada definitiva no mundo da música ocorreu quando ela começou a se apresentar em casas noturnas de Salvador, adquirindo a experiência necessária para vôos mais altos. Em 1990, Carla foi convidada para substituir Daniela Mercury na banda Cia Clic, na qual permaneceu por cinco anos, gravando três discos. Sua saída ocorreu em 1995, quando aceitou o convite para integrar o grupo Cheiro de Amor. Já no primeiro dos quatro discos que gravaria com o grupo, vendeu mais de 1,5 milhão de cópias, levando a cantora a uma projeção internacional, com excursões pela Europa, Estados Unidos e América Latina. Em 2000, já consagrada no país, Carla decide partir para a carreira solo e lança seu primeiro disco, "Só Chamei Porque Te Amo", que deflagra uma suave mudança da cantora rumo à MPB, deixando de lado os rótulos de cantora de Axé.
Começou s carreira musical tocando em bares de Salvador, em 1991 substitiu Daniela Mercury na Banda Companhia Clic, gravando no mesmo ano seu primeiro disco, LP Companhia Clic III e em 1993 o segundo, Cia Clic, pela Polygram. Em 1995 substitiu Márcia Freire na banda Cheiro de Amor.
Em 1995 entra para o Cheiro de Amor substituindo a vocalista Márcia Freire. E logo no carnaval de 96 foi eleita "Cantora Revelação" recebendo o Troféu Dodô e Osmar. Em 2000, segue em carreira solo.




ALINNE ROSA
2003 à 2014 - vocalista Alinne Rosa (Aline Oliveira Santos - Itabuna/BA, 22/03/1981)
A baianinha continua solteira e tem Deus acima de qualquer religião. Seu prato preferido é moqueca de camarão, e a bebida o suco cajá. Uma das suas qualidades é a determinação e ser sempre verdadeira. Seu defeiro é ser impulsiva e auto-critica e sua maior mania é a internet. A cantora tem um grande medo que é ficar impossibilitada de fazer o que mais ama: cantar. Tem orgulho da família e da origem, seu livro predileto é Ala18 e o fillme Moulin Rouge. O rei Roberto Carlos é o campeão da melhor música (Emoções).
A vocalista Alyne Rosa da banda baiana Cheiro de Amor muda de nome após ter feito a "Numerologia" de seu nome. O nome de uma pessoa revela traços marcantes de sua personalidade.
A Numerologia pode determinar os pontos fracos e fortes através da correspondência numérica de cada letra do alfabeto.
Segundo a assessoria da cantora, "o tipo de energia tem um nome, por isso tem gente que prefere mudá-lo, assim Antes era Aline Oliveira, atualmente usava Alyne Rosa e agora passa a assinar Alinne Rosa.




2004
Alinne Rosa. Com experiência em vários grupos, de diferentes estilos, a moça fez back na Banda Mel e posteriormente assumiu o comando da banda de axé Trio Metal, quando foi descoberta pela Cheiro Produções, através de um grande concurso, depois de várias seletivas. De repente, Alinne estava tendo a grande chance de sua vida. Voz, atitude,carisma e energia requisitos necessários para a nova "caminhada", ela preenchia de sobra. Pela primeira vez, ela subiu num trio elétrico em Salvador, com a grande responsabilidade de comandar o Cheiro de Amor, bloco de grande tradição. Vestida de Orixás, essa filha de Iemanjá, não podia ter tido estréia melhor, tornando-se a cantora revelação do Carnaval 2004. Sucessos como Amassadinho, De Bem com a Vida, Caras e Bocas,Chegou Pra Ficar, O Seu Adeus marcaram a banda com o elétrica Alline.
À frente do Cheiro, Alinne Rosa cada vez melhor na performance, atravessa um momento marcante na sua carreira e transmite ao público toda essa felicidade. E não é por menos, recentemente a Banda Cheiro ganhou o Dvd de ouro (mais de 25 mil cópias vendidas) do último trabalho lançado, o Dvd/Cd "Cheiro de Amor Ao Vivo 25 anos". e repente estava tendo a grande chance de sua vida. Pela primeira vez, ela subiu num trio elétrico em Salvador, com agrande responsabilidade de comandar o Cheiro de Amor, bloco de grande tradição. Vestida de Orixás, essa filha de Iemanjá, não podia ter tido estréia melhor, tornando-se a cantora revelação do Carnaval 2004.


2005
No Carnaval de 2005, como não poderia ser diferente, Alinne Rosa abrilhantou as avenidas de Salvador, comemorando os 25 anos do Bloco Cheiro de Amor, realizando uma festa realmente inesquecível para os foliões do bloco e da pipoca. Nesse mesmo ano o primeiro Dvd da banda foi lançado e ultrapassando as 30.000(trinta mil) cópias.


2006
Em 2006 a banda Cheiro consolidou ainda mais o posto de uma das melhores bandas da axé music, participando de shows em todo o País e fora como foi o caso da turnê em Portugal.


2007
Em 2007 “Tudo Mudou de Cor”. Começar o ano com o pé direito e cheio de novidades. Assim inicia o novo ano para a banda Cheiro de Amor! Cada vez mais forte no cenário musical baiano, completando 28 anos, a banda mostra que competência, profissionalismo e união fazem a diferença e que cada ano é uma batalha diária que vem tendo como retorno o aumento no número de admiradores e o reconhecimento da critica especializada. A aposta em Alinne Rosa, deu certo e começa a trazer bons resultados. Apenas com 03 anos de banda, hoje, a menina se tornou uma mulher linda e sexy, no momento comemora sua melhor fase profissional e pessoal. A mudança da cor do cabelo, as duas músicas de trabalho (Esperando na Janela e Tudo Mudou de Cor), estão bem executadas nas rádios de todo o Brasil e lançamento do novo cd (intitulado- Tudo Mudou de Cor), são umas das novidades que essa garota de 26 anos, vem batalhando.
A vocalista renovou seu contrato por mais 05 anos com a banda Cheiro de Amor, e ela vem mostrando cada vez mais que “chegou pra ficar”.


2007 - fev - RELEASE OFICIAL RC2 COMUNICACAO
A banda é formada por Alyne Rosa (vocal), Chandy Guimarães (back vocal), Eddie Marocci (back vocal), Karyne Rossele (back vocal), André Liberato (guitarra), Júnior (baixo), Zé de Henrique (teclados), Allan Amaral (bateria), Marcelo Medina (trompete), Antônio Conde (trombone), Daniel Bento (sax), Danilo Farias (percussão) e Marcio Telmo (percussão),
Fundada em 1980, a Banda Cheiro de Amor já gravou 17 discos, sendo quatro ao vivo, e vendeu mais de 3 milhões de cópias. O grupo já fez shows nos Estados Unidos, Portugal e até no famoso festival de Montreux, na Suíça. Grandes nomes da música baiana já passaram pela banda, como Márcia Freire e Carla Vizi. Desde 2004, a cantora Alinne Oliveira está no comando do Cheiro de Amor e emplacou sucessos como “De bem com a vida”, “Amassadinho” e “O seu Adeus”. O DVD da banda foi gravado em Belo Horizonte, em 2005. O último CD, “Tudo mudou de cor”, traz 14 faixas que misturam a sonoridade pop e os beats baianos.
Aline Oliveira Santos (Alinne Rosa), nasceu no dia 22-03-81, em Itabuna. A baianinha continua solteira e tem Deus acima de qualquer religião. Seu prato preferido é moqueca de camarão, e a bebida o suco cajá. Uma das suas qualidades é a determinação e ser sempre verdadeira. Seu defeiro é ser impulsiva e auto-critica e sua maior mania é a internet. (então não esquece de acessar o www.ibahia.com). A cantora tem um grande medo que é ficar impossibilitada de fazer o que mais ama: cantar. Tem orgulho da família e da origem, seu livro predileto é Ala18 e o fillme Moulin Rouge. O rei Roberto Carlos é o campeão da melhor música (Emoções). O que Aline mais gosta de fazer no fim de semana são seus shows e o que deixa a loira sem astral é a hipocrisia. Um homem interessante? David Backman, e uma mulher, Angelina Jolie. Sua viagem inesquecível foi para Irlanda. Quanto aos projetos para 2007 Alinne quer consolidar ainda mais a carreira, fazer vários cursos, ajudar crianças e idosos através do meu projeto que esta em andamento o “Bom Dia Rosa


2007 - RELEASE 25 ANOS
São 25 anos de muita alegria e celebração. Uma atmosfera totalmente "festa", com uma platéia delirante e um time de convidados super especiais. O DVD histórico da banda Cheiro de Amor, foi gravado na Chevrolet Hall (Belo Horizonte - MG) numa mega estrutura, com recursos técnicos de última geração. Pegada bem definida e qualidade de gravação 5.1 com a direção de Rodrigo Carelli (MTV Cássia Eller/ MTV Roberto Carlos/ MVB) e áudio de Yacoce Simões (DVD Jammil/ DVD Araketu). No set list, o projeto abre o leque englobando sucessos que cruzaram gerações e músicas do CD recém lançado "De Bem Com a Vida" (EMI), todas bem ancoradas pela voz e o encanto de Alyne Rosa.
Música da Bahia alinhavada ao pop contemporâneo. Assim a banda Cheiro de Amor vai construindo a sua usina de alegria, executada com maestria e finalizada com o perfeccionismo que a música merece. O DVD começa com um pot-pourri marcante: "É Ouro" (Lula Carvalho) / "De Bem Com a Vida" (Anderson Cunha). Na seqüência um clássico da Banda "Lero Lero" (Pierre Onassis). Com "Amassadinho" a cantora Alynne Rosa chama a galera para a coreografia. Foi demais!
Da nova fase vem "Caras e Bocas" (Mônica Salles/Zeca Brasileiro/Jair Rocha) e "O Seu Adeus" (Gigi), essa última com versão bem diferente do CD, mais groove, usando a percussão como base. Atualmente sucesso no rádio. A faixa "Canto do Pescador" (Pierre Onassis/Jauperi) recebe introdução belíssima de berimbau. A primeira convidada da noite, Márcia Freire, aparece divina. Comandou a moçada e exaltou o mar. Uma apresentação soberba.Em"Vai Sacudir, Vai Abalar" (Pierre Onassis/Paulo Jorge) a mineirada se entregou à magia da Banda Cheiro de Amor. Arrepiou! No clima das boas vibrações, "Tão Seu" (Chico Amaral/Samuel Rosa) ganhou novo impulso. Carla Visi reaparece em "Quixabeira" (Carlinhos Brown/Bernard Von Der Weid/Afonso Machado) e acende toda a sua chama axé.
Do fértil universo musical baiano vem o pot-pourri "Olha Eu Aí" (Ed Grandão), "Pureza da Paixão" (Cabral/Carlinhos Dias) e "Doce Obsessão" (Cabral/Carlinhos Dias) "Chegou Pra Ficar" (Anderson Cunha) é um dos pontos altos do DVD e promete invadir as rádios brasileiras nesse verão. Com o pot-pourri "Nossa Gente" (Roque Carvalho) e "Deusa do Amor" (Valter Farias/Adailton Poesia), O Olodum ajudou a criar o clima de emoção que permeou o show e junto com a Alynne manda "Rosa" (Pierre Onassis) devidamente enriquecida por uma batida contagiante. A pressão continua subindo, dessa vez com "Canto do Rio" (Saul Barbosa/Gerônimo) e "Auê" (Tonho Matéria/Marinho). Em "Bye, Bye" (Gigi), Alyne Rosa deu uma chacoalhada nos conceitos pré-estabelecidos, impondo sua própria realidade. A faixa ganhou destaque absoluto.
Garantindo uma boa performance, o Jammil, de Tuca, Mano e Beto, também marcou presença na ultra dançante "Cinema Mudo" (Herbert Vianna). Mais uma mistura excitante surge em forma de homenagem. "Pelados em Santos" (Dinho) é uma agradável surpresa. "Adrenalina" (Pierre Onassis) outro clássico da música baiana que ficou irresistível. Pra fechar a festa "Ficar Com Você" (João Maurício/Bastola/Thiago Quadros) que terminou virando o momento beija-beija. Se você ainda não viu o show, tem a grande oportunidade de ver, ou ao menos, a possibilidade de imaginar o que vem por aí ao vivo. Foi uma noite memorável. A banda Cheiro de Amor totalmente conectada com a galera acerta de novo e caminha com passos largos para o sucesso de vendagem do DVD.
E as novidades não param por aí, agora é a vez do "plus". No making of, tudo que envolveu a produção do DVD. Da montagem, ensaios, hotel, até a chegada da banda para a super noite. Rola também um flagra da cantora Alyne Rosa com o pessoal da Banda Cheiro de Amor nos bastidores do show. A banda baiana é formada por Alyne Rosa (vocal), Zé de Henrique (teclados), Junior (baixo), André Liberato (guitarra), Allan Amaral (bateria), Chandy Guimarães (back vocal), Eddie Marocci (back vocal), Karyne Rossele (back vocal), Marcelo Medina (trompete), Daniel Bento (sax), Antônio Conde (trombone), Danilo Farias (percussão) e Márcio Telmo (percussão).


2012 - Cheiro de Amor: Axé Music com maturidade e sucesso
Apontada como uma das melhores atrações do Carnaval 2012, o Cheiro de Amor mais um ano comandou os blocos Yes Bahia Club e Cheiro durante a folia soteropolitana. Com desfiles sempre recheados de alto astral e muitos sucessos, a banda cumpriu a missão de arrastar milhares de baianos e turistas pelas ruas de Salvador. Além do grande desempenho do grupo, a vocalista Alinne Rosa novamente foi destaque na folia, pelo carisma e energia. A trajetória de sucesso já contabiliza 30 carnavais e o Cheiro de Amor vem amadurecendo, apresentando um Axé Music cada vez melhor e ao mesmo tempo se conectando às novas tecnologias e ao público que as consome. Esse público mais jovem acompanha a banda por todo o país, nas micaretas, shows e festas públicas, além de ter assegurado, em Salvador, que os abadás dos blocos fossem esgotados!
Enquanto aproveita o pós Carnaval para produzir um novo trabalho, totalmente inédito, o Cheiro de Amor segue divulgando o DVD Axé Mineirão, lançado no final de 2010. O repertório base do show atual é o do DVD, mas nele também estão presentes alguns sucessos do momento e outras canções, de outros ritmos, trazidas para a batida do Axé. O novo trabalho deve ser lançado no segundo semestre de 2012. É indiscutível o momento de crescente que o Cheiro vem vivendo, especialmente nesses últimos anos. Em 2011, a banda foi considerada melhor atração do Axé Brasil, do Pré-Caju, da Micareta de Feira de Santana (inclusive com prêmio de melhor cantora para Alinne Rosa, pelo segundo ano consecutivo). Em 2011 Alinne também recebeu o Troféu Castro Alves como melhor cantora do Carnaval de Salvador. O ano de 2011 foi marcado também pela presença do Cheiro de Amor em turnê pelos Estados Unidos, com apresentações que chamaram a atenção não apenas da comunidade brasileira residente por lá, mas também dos norte americanos; e turnê também pela Europa, com direito a apresentação no Brazilian Day em Madrid.
Todo esse reconhecimento por parte do público e também da mídia não é algo inédito para o Cheiro de Amor. São 30 anos de vida e o grupo teve participações importantes, que marcaram a história do Axé Music. Hoje Alinne Rosa, atual vocalista, está em seu melhor momento! Em oito anos de carreira profissional, Alinne conquistou lugar cativo no coração de fãs por todo o Brasil. Com muita personalidade e um carisma de fazer inveja, Alinne é bem recebida onde quer que chegue e imprimiu sua marca à banda Cheiro de Amor. A musa ousou e agora, além de cantora mostrou que tem talento também como atriz, participando da minissérie O Brado Retumbante, na Rede Globo. No Cheiro desde 2003, Alinne tem na bagagem apresentações em todo o Brasil, além das turnês nos Estados Unidos e Europa. Além disso, comandou os dois DVDs gravados pela banda e também todos os discos desde o ano de sua entrada. Alinne esbanja beleza, talento e muita alegria! O Cheiro de Amor ganhou grande notoriedade nacional em 1987, após uma audição do disco realizada pelo apresentador Chacrinha. Músicas como 'Auê', 'Rebentão', 'Lero Lero', 'Doce Obsessão', 'Pureza da Paixão' e 'Cheiro de Amor No Ar' logo ganharam as rádios de todo o Brasil. O grupo seguiu lançando músicas que emplacaram e se tornaram grandes hits do axé. Outros exemplos são 'Ficar com Você', 'Vai Sacudir, Vai Abalar' e mais recentemente 'Pense em Mim', 'Esperando na Janela' e 'Dias de Sol'.
Fonte: Acervo CarnAxE por Cheiro de Amor Oficial de outrora


2012
A Banda Cheiro de Amor é liderada por Aline Rosa e ... CONTINUAÇÃO AQUI.


2013
Alinne Rosa anuncia a saída da Cheiro de Amor ao qual é band-leader.
Vina Calmon comandou um pocket show de cerca de 40 minutos no Barra Hall, em Salvador (BA), com os músicos da banda Cheiro de Amor na quinta-feira, dia 12 de dezembro 2013. Vina Calmon substitui a vocalista Alinne Rosa em fevereiro 2014, após o Carnaval de Salvador.


2014 - ABR - RELEASE OFICIAL
Com uma trajetória que se mistura com a própria história do Carnaval de Salvador e da Axé Music, o Cheiro de Amor sempre teve como marca a inovação. Ao longo de mais de 30 carnavais e 23 discos lançados, o Cheiro revelou para o Brasil grandes sucessos; e agora, dá prosseguimento à história, sob o comando de Vina Calmon, que assumiu os vocais desde o dia 5 de março. A estreia da nova cantora aconteceu no Camarote Salvador, em plena madrugada de quarta-feira de Cinzas. O trabalho nesse novo momento não para! O Cheiro de Amor tem rodado por diversas cidades do Brasil mostrando a essência da sonoridade que já é sucesso e tem hits na ponta da língua do público. Além de eventos tradicionais e shows em grandes praças públicas, o Cheiro já confirmou presença para esse ano, em festas marcantes, como as Micaretas de Feira de Santana (abril) e Jacobina (maio). E já pensa no projeto para o Verão, incluindo Summer Time, que em 2014 volta com tudo! Consolidada como uma das melhores atrações do Axé Music nacional, o Cheiro de Amor se prepara, agora com Vina, para voltar aos quatro cantos do Brasil, conquistando cada dia mais fãs e mostrando que a história de sucesso construída há mais de 30 anos está baseada em fazer música de qualidade e com conteúdo, se conectando com públicos de diversas faixas etárias e levando alegria para onde vai! O Cheiro é sempre sinônimo de alto astral e energia positiva, sendo destaque por onde passa, com reconhecimento inclusive por premiações e votações populares.
A cantora nasceu em Santa Maria da Boa Vista (PE) e, com pais baianos, com 4 anos de idade se mudou para a Bahia, morando em Chorrochó, no Vale do São Francisco e em Sobradinho. Aos 10, já iniciava sua trajetória artística como cantora entre barzinhos e pequenas casas de show. A garota, que se inspirava em Marisa Monte, Daniela Mercury e Mariah Carey para cantar, alçou voos mais altos e decidiu viver em Petrolina, aos 16 anos, em busca da tão sonhada carreira artística – que se dividia entre Petrolina – onde estudava e Juazeiro, onde se apresentava. Logo depois Vina se mudou para o Rio Grande do Norte, após receber o convite para comandar uma banda de forró. E numa dessas andanças, quando fazia show numa cidade do interior de Sergipe, recebeu a proposta para trocar o Forró pela Axé Music. “Fiquei meio receosa, porque venho de uma família humilde e na época era complicado arriscar tudo e vir para Salvador. Mas não posso negar que esse era meu grande sonho, vir para a terra das minhas musas”, revela a cantora.
A banda em abril 2014 é formada por VINA CALMON (vocal),Aline Barreto (Backing Vocal), Cláudia Gladess (Backing Vocal), Júnior Peteca (Baixista), Serginho Trindade (Baterista), André Liberato (Guitarrista), Cacau Alves (Percussionista), Danilo Farias (Percussionista), Daniel Bento (Saxofonista),Paulo Adachi (Tecladista) e Valdir Martins (Trompetista).


2014 - VINA CALMON - nova vocalista
Vilma Calmon é apresentada como a nova vocalista para a imprensa no 12 de dezembro 2013, e assume a banda após o Carnaval de Salvador 2014, onde Alinne Rosa assume a agenda até a data. A cantora aos 10, já iniciava sua trajetória artística como cantora entre barzinhos e pequenas casas de show. A garota, que se inspirava em Marisa Monte, Daniela Mercury e Mariah Carey para cantar, alçou voos mais altos e decidiu viver em Petrolina, aos 16 anos, em busca da tão sonhada carreira artística – que se dividia entre Petrolina – onde estudava e Juazeiro, onde se apresentava. Logo depois Vina se mudou para o Rio Grande do Norte, após receber o convite para comandar uma banda de forró. E numa dessas andanças, quando fazia show numa cidade do interior de Sergipe, recebeu a proposta para trocar o Forró pela Axé Music. “Fiquei meio receosa, porque venho de uma família humilde e na época era complicado arriscar tudo e vir para Salvador. Mas não posso negar que esse era meu grande sonho, vir para a terra das minhas musas”, revela a cantora.
2014 - Release - A cantora nordestina Vina Calmon traz na bagagem boas histórias, todas emolduradas pela música. Com o axé correndo pelas veias, a menina de fala firme pode se orgulhar da trajetória que já percorreu e está trilhando. A cantora nasceu em Santa Maria da Boa Vista (PE) e, com pais baianos, com 4 anos de idade se mudou para a Bahia, morando em Chorrochó, no Vale do São Francisco e em Sobradinho. Aos 10, já iniciava sua trajetória artística como cantora entre barzinhos e pequenas casas de show. A garota, que se inspirava em Marisa Monte, Daniela Mercury e Mariah Carey para cantar, alçou voos mais altos e decidiu viver em Petrolina, aos 16 anos, em busca da tão sonhada carreira artística – que se dividia entre Petrolina – onde estudava e Juazeiro, onde se apresentava. Logo depois Vina se mudou para o Rio Grande do Norte, após receber o convite para comandar uma banda de forró. E numa dessas andanças, quando fazia show numa cidade do interior de Sergipe, recebeu a proposta para trocar o Forró pela Axé Music. “Fiquei meio receosa, porque venho de uma família humilde e na época era complicado arriscar tudo e vir para Salvador. Mas não posso negar que esse era meu grande sonho, vir para a terra das minhas musas”, revela a cantora. De família baiana, a cantora de 23 anos, certa da sua musicalidade, partiu destemidamente buscando sempre a música. Canta desde que se entende por gente. Cresceu ouvindo e admirando a musicalidade baiana e sempre de olho no que as cantoras americanas, como Mariah Carey, também traziam em seu repertório. A sagitariana, desencadeadora de oportunidades, não teve dúvidas e fixou-se definitivamente em Salvador há onze meses. Determinada a viver o mundo do axé music e se especializar cada vez mais, a cantora sempre achou que a Bahia é seu lugar. Dividida entre aulas de canto, dança e mergulhada nas tradições baianas ela está pronta para comandar o projeto “Axerife”. A ideia é clara: a cantora vai prender os corações do público e arrastar a multidão por onde passar. Traz um repertório envolvente no cd de lançamento “Axerife – Ela vai prender você”: o dueto “Se Vira” com o maior hitmaker do Brasil, Latino; “A Tampa e a Panela”, do também hitmaker baiano Alexandre Peixe (em parceria com Beto Garrido) e a música de trabalho “Tchau Bye, Bye” assinada por Sérgio Rocha (ex-diretor musical de Claudia Leitte). “Quando entro no palco percebo que ali é o meu lugar. A música está em mim e meu corpo acompanha este movimento”, confessa a cantora.




2014 - LANÇAMENTO CD/DVD - CHEIRO DE AMOR NAS ÁGUAS
Gravado ao vivo no Dique do Tororó em 29 de março de 2014 em comemoração aos 465 anos da cidade de Salvador, na Bahia. A gravação do novo DVD do Cheiro de Amor, realizada em Março desse ano no Dique do Tororó, ficou marcado por vários fatores.
O evento proporcionou o primeiro encontro da cantora Vina Calmon com o público baiano, além de contar com uma estrutura inédita, montada sobre as águas de um dos principais cartões postais de Salvador e no dia do aniversário da cidade.
A ansiedade para ver o resultado final de toda essa produção já tem data para acabar! Os empresários do grupo Cheiro acabam de confirmar o lançamento do DVD “Nas Águas” pelo selo Sony Music. A previsão é de que o DVD chegue nas principais lojas no próximo dia 20 de Outubro 2014.
Direção: Max Pierre / Direção Artística: Fred Soares / Direção Executiva: Windson Silva / Direção Musical: Junior Peteca/ Direção Áudio: Yacoce Simões/ Cheiro Produções/Gravação: Sony Music


2015 - FEV - 30 ANOS AXÉ MUSIC - Troféu Dodô & Osmar
Integrantes: Inicialmente a banda tinha Márcia Freire como destaque, era a cara e a voz do grupo. Em 1995, Carla Visi assumiu os vocais e ficou até 2000, quando Márcia Freire retornou ao comando da Banda. Só que, em 2003, após um concurso, Alinne Rosa assumiu o controle e ficou até 2014, quando se despediu e partiu para a carreira solo. Atualmente, Valdir Martins (trompetista), Cláudia Gladess (backing vocal), Júnior Peteca (baixista), Sérginho Trindade (baterista), André Liberato (guitarrista), Cacau Alves (percussionista), Danilo Farias (percussionista) , Daniel Bento (saxofonista), Paulo Adachi (tecladista) e Vina Calmon (vocalista) formam a banda Cheiro de Amor.
Surgimento: No início dos anos 80, com o nome de Pimenta de Cheiro, em 1985 a banda passa a ser Cheiro de Amor.
Principais sucessos: 'Salassiê' , 'Roda Baiana' , 'Pra acabar com a solidão' , 'Auê' , 'É o ouro', 'Canto ao pescador, 'Vai sacudir, vai abalar' e 'Quixabeira'
Blocos que puxou: Cheiro de Amor, A Barca e Yes Momento marcante - A atual vocalista da banda, Vina Calmon, conta que o que mais marcou foi justamente acompanhar a banda Cheiro de Amor no auge do sucesso. “Eu acompanhava as divas pela TV (Carla Visi, Márcia Freire e Daniela são as três que mais me marcaram) e tentava imitar os cabelos cacheados delas. Pegava algo em casa para fingir que era um microfone”, conta.


2016 - FEV - Cheiro de Amor roda o Brasil com Vina Calmon
Com uma trajetória que se mistura com a própria história do Carnaval de Salvador e da Axé Music, o Cheiro de Amor sempre teve como marca a inovação. Ao longo de mais de 30 carnavais e 23 discos lançados, o Cheiro revelou para o Brasil grandes sucessos; e agora, dá prosseguimento à história, sob o comando de Vina Calmon, que assumiu os vocais desde o dia 5 de março. A estreia da nova cantora aconteceu no Camarote Salvador, em plena madrugada de quarta-feira de Cinzas. O trabalho nesse novo momento não para! O Cheiro de Amor tem rodado por diversas cidades do Brasil mostrando a essência da sonoridade que já é sucesso e tem hits na ponta da língua do público. Além de eventos tradicionais e shows em grandes praças públicas, o Cheiro já confirmou presença para esse ano, em festas marcantes, como as Micaretas de Feira de Santana (abril) e Jacobina (maio). E já pensa no projeto para o Verão, incluindo Summer Time, que em 2014 volta com tudo!
Consolidada como uma das melhores atrações do Axé Music nacional, o Cheiro de Amor se prepara, agora com Vina, para voltar aos quatro cantos do Brasil, conquistando cada dia mais fãs e mostrando que a história de sucesso construída há mais de 30 anos está baseada em fazer música de qualidade e com conteúdo, se conectando com públicos de diversas faixas etárias e levando alegria para onde vai! O Cheiro é sempre sinônimo de alto astral e energia positiva, sendo destaque por onde passa, com reconhecimento inclusive por premiações e votações populares.


2016 - DEZ - Cheiro de Amor apresenta show com poética mais moderna
Novos arranjos para canções já conhecidas, elementos eletrônicos e inclusão de instrumentos marcam a nova fase da banda
O Cheiro de Amor, liderado pela cantora Vina Calmon, agora respira novos ares. Gerenciada, desde o início de abril, pela PA Produtora Artística, a banda vem misturando e experimentando canções para o novo show. “As mudanças, sobretudo em alguns arranjos, não são tão expressivas, mas já é possível identificar a diferença. Estamos resgatando grandes sucessos do Cheiro, mesclando com canções de artistas como Lulu Santos, Maria Gadú e Ana Carolina, e ouvindo inéditas”, afirma o tecladista e diretor musical Juliano Valle.
Hoje a banda é formada por sete músicos, já incluindo Vina no vocal. E a formação mais reduzida não impede que sejam inseridos novos instrumentos para aperfeiçoar e diferenciar o som, a exemplo do Ukulele, instrumento musical geralmente com quatro cordas. Influências do indie rock e pop estão sendo trazidas, mas sempre misturadas com elementos percussivos e interferências eletrônicas.
Hits como “Pureza da Paixão”, “Olha eu Aí”, “Esperando na Janela” e “Dias de Sol” já ganharam nova roupagem e estão confirmadas no repertório da banda, que vem sendo representada pela cantora Vina Calmon desde a quarta-feira de cinzas do Carnaval 2014, quando se apresentou em um Camarote da folia momesca.
O Cheiro já participou de 36 carnavais, lançou 26 discos, revelou para o Brasil grandes sucessos como “Canto Ao Pescador”, “Doce Obsessão” e “Vai sacudir, Vai abalar”, além de apresentar ao País, cantoras como Márcia Freire, Carla Visi e Alinne Rosa. E há dois anos, a banda vem fazendo shows com Vina, que encanta com o seu vozeirão e firme presença de palco. No Carnaval 2015 ela levou o Troféu Band Folia de Cantora Revelação e ainda foi apontada como Cantora Destaque no Troféu Dodô & Osmar.
A cantora fez um dueto com Júlio Iglesias, em Curitiba, o que a fez ganhar grande visibilidade nacionalmente; participou do projeto Fifa Fan Fest, com apresentações em Salvador, Belo Horizonte e Manaus, no mês da Copa do Brasil, e teve bastante destaque na gravação e no lançamento do DVD “Nas Águas”, gravado no Dique do Tororó, na capital baiana. Depois disso, o Cheiro lançou o single “Proposta Indecente”, que rendeu um clipe com o cantor Lucas Lucco e teve mais de sete milhões de visualizações.
Vina Calmon – A voz do Cheiro - Nascida em Santa Maria da Boa Vista (PE), Vina se mudou para a Bahia, quando tinha apenas quatro anos de idade, junto com os seus pais. Morou em cidades como Chorrochó e Sobradinho, no Vale do São Francisco. Aos 10 anos, já iniciava sua trajetória como cantora com apresentações em barzinhos e pequenas casas de show, sempre acompanhada da família. Seis anos depois, decidiram viver entre Petrolina e Juazeiro, em busca da tão sonhada carreira artística – que se dividia entre Petrolina – onde estudava e Juazeiro, onde se apresentava. Logo depois, Vina se mudou para o Rio Grande do Norte, após receber um convite para comandar uma banda de forró. E em um dos seus shows, no interior de Sergipe, recebeu a proposta para trocar o Forró pela Axé Music. “Fiquei um pouco receosa, porque venho de uma família humilde e na época era complicado arriscar tudo e vir para Salvador. Mas não posso negar que esse era o meu grande sonho”, revela a cantora.
PA Produtora Artística - Lançada no final do ano passado, a PA é liderada por Peu Aguiar e George Castro, e gerencia a carreira das bandas Cheiro de Amor e Mil Verões, com o cantor Battata. Além disso, a PA assume diversos outros artistas e bandas como parceria comercial para venda de shows por todo o País.
Peu atuou durante cerca de 20 anos como produtor executivo e entre as suas principais referências estão o Eva e o cantor Saulo, que o convidou para ser seu empresário, ao seguir em carreira solo. Administrador de empresas e produtor artístico, George Castro também acumula 20 anos de experiência na área. Ele já trabalhou com artistas como Margareth Menezes, Adelmario Coelho e Tonho Matéria. A PA Produtora oferece soluções personalizadas para contratantes e artistas, envolvidos em eventos das mais diversas áreas culturais e de entretenimento. Entre os serviços oferecidos estão o gerenciamento das áreas comercial, artística e de divulgação, e a produção de eventos em variadas categorias.

.............................................................................................................................
CRONOLOGIA DA BANDA
2014 à ... - vocalista Vilna Calmon
2003 à 2014 - após um concurso a vocalista Alinne Rosa (Aline Oliveira Santos - Itabuna/BA, 22/03/1981)
2001 à 2003 - vocalista Márcia Freire (Salvador/BA, 20/12/1969)
1995 à 2000 - vocalista Carla Visi (Carla Virgínia Soares Fernandes - Salvador/BA, 31/08/1970)
1987 à 1995 - vocalista Márcia Freire Salvador/BA, 20/12/1969)
1980 - Início da Banda

.............................................................................................................................

  • Em 2015, a formação da banda é Valdir Martins (trompetista), Cláudia Gladess (backing vocal), Júnior Peteca (baixista), Sérginho Trindade (baterista), André Liberato (guitarrista), Cacau Alves (percussionista), Danilo Farias (percussionista) , Daniel Bento (saxofonista), Paulo Adachi (tecladista) e Vina Calmon (vocalista) formam a banda Cheiro de Amor. Vilma Calmon é apresentada como a nova vocalista para a imprensa no 12 de dezembro 2013, e assume a banda após o Carnaval de Salvador 2014, onde Alinne Rosa assume a agenda até a data.
  • Em 2012, a banda é formada por confira aqui
  • Em 2011, a banda é formada por Alyne Rosa (vocal), Zé de Henrique (teclados), Junior (baixo), André Liberato (guitarra), Allan Amaral (bateria), Chandy Guimarães (back vocal), Eddie Marocci (back vocal), Karyne Rossele (back vocal), Marcelo Medina (trompete), Daniel Bento (sax), Antônio Conde (trombone), Danilo Farias (percussão) e Márcio Telmo (percussão).
  • Em 1996, a banda era formada por Carla Visi (vocal), Zé Henrique (teclados), Vicente, Lalo, Bolão e Junior (baixo).
  • Em 1995 - Surgimento: No início dos anos 80, com o nome de Pimenta de Cheiro, em 1985 a banda passa a ser Cheiro de Amor.




HOMECarnAxE - o autêntico e mais completo Portal do Carnaval TWITTERMergulhe nessa folia nética com o CHEIRO DE AMOR YOUTUBEVídeos e shows do CHEIRO DE AMOR ORKUTFolia na rede social Orkut com o CHEIRO DE AMOR SITEPortal Oficial da banda CHEIRO DE AMOR DISCOGRAFIADiscografia completa da banda CHEIRO DE AMOR       

CarnAxE - o autêntico e mais completo Portal do Carnaval